sexta-feira, 17 de julho de 2009

Dizia ele: Estou indo pra Brasília...

Recluso para adaptação, técnica que desenvolvi em anos de perda de contexto social, de abandono de zona de conforto. Ainda assim, me restam sensores de humanidade, desses que me farão buscar contato novamente qdo estiver mais estável. facófe.

Faxinando o PC e calculando roupa prás férias no DF... A saudade vai judiar, mas é um passo que pode ser grande... e vai ser...

Brutal é escutar da avó: "Deus ajude que você não arranje nada por lá"... Haja carinho...

Um comentário:

Vanessinha disse...

Fsla pra vó, que vc achou e que por ser o primeiro nem foi tão ruim, mas que logo melhorias virão.

Culto&Grosso: Mostre isso aqui p'ra eles!

Culto&Grosso: Mostre isso aqui p'ra eles!